Coroa rabuda botou o novinho para gozar

82
Coroa rabuda
Coroa rabuda botou o novinho para gozar muito gostoso. A relação entre nós era um encontro de almas sedentas de paixão, uma entrega total ao prazer. Ele, o macho safado que me levava aos limites do desejo. Eu, a coroa safadinha que o seduzia com minha vivacidade e ousadia. Os gemidos se entrelaçavam em uma sinfonia erótica, preenchendo o ar enquanto nos entregávamos à paixão avassaladora. Cada toque, cada beijo era uma explosão de sensações, uma comunhão de corpos e almas. Éramos amantes insaciáveis, buscando a plenitude do prazer em cada instante. Naquela relação ardente, éramos dois amantes em êxtase, entrelaçados pelo amor proibido.